Não me quer?

Então me larga!

Não me quer? Acha que eu estou indo rápido demais? Que não é o momento? Então não fica curtindo minhas fotos no Instagram! Não fica retuitando o que eu digo nem me mandando carinha sorridente no gtalk! Se não tá a fim de levar o pacote todo pra casa, me deixa esquecer, por favor! Esquecer que você existe, esquecer que você não me quis e, pior, que ficou sem graça por isso.
Nem pense em me convidar pra sua festa. Não deixe na minha mão a decisão de estar ou não nesse momento. O que pra você é gentileza e demonstração de carinho pra mim é ferida ralando no asfalto. Deixa eu pensar que a minha presença te perturba e que meu corpinho saçaricando pela sua casa em dia de festa não é recomendável pra nenhum de nós dois? Ainda tem o meu cheiro no seu tapete e aquele meu pote de Nutela no armário. Respeite.
Não me importa o que você pensa de mim e se me quer na sua vida “de uma outra maneira”. Hoje, você é tudo aquilo que eu sonhei rolando escada abaixo, você é meu desejo partindo pra longe. É o fim do mais sorridente começo. Sua cara de amigo me esfola.
Não me leve a mal, mas vamos deixar essa amizade pra amanhã?

http://revistatpm.uol.com.br/blogs/euliatulias/2012/08/29/nao-me-quer.html

Fale contra o voto de Cajado.

Zapeando pela internet, achei um protesto muito bom, FALE CONTRA O VOTO DE CAJADO, vou postar aqui a ideia, divulguem e vamos fazer um barulho construtivo. Excelente iniciativa a da REDE FALE.

Fale contra o voto de Cajado.

As eleições municipais de 2012 prometem ser as mais evangélicas de todos os tempos. E isso, no pior dos sentidos. Assim como no pleito presidencial de 2010, a temática religiosa e o “olho grande” no voto dos evangélicos se desenham como os grandes alvos dos candidatos para as eleições deste ano. 

Uma reportagem publicada no Jornal O Globo, do Rio de Janeiro, em 05 de Julho, trazia a seguinte chamada: “No Rio, candidatos miram eleitor evangélico e áreas das UPP”. Outra matéria, no dia 27 do mesmo mês, o mesmo jornal denunciava: “Evangélicos usam estrutura de templos em suas campanhas”. Não há dúvida que para interesses duvidosos, os evangélicos são sim, um excelente curral eleitoral. Segundo o Censo de 2010, no estado do Rio de Janeiro, o catolicismo, religião historicamente dominante, tem perdido gradativamente o número de adeptos, chegando a menos de 50% da população. Em pelo menos 11 dos 19 municípios da região metropolitana, foram superados pelos evangélicos em número de fiéis.

Somam-se a estas informações, a triste realidade de parte do rebanho evangélico: pessoas fortemente orientadas por seus líderes, autoridades eclesiásticas que agem de “má fé” se colocando acima de qualquer ética, e se auto anunciando como porta-vozes de Deus. Um exemplo do resultado disso se vê na pesquisa realizada pelo Datafolha na já tradicional “Marcha para Jesus” deste ano, em São Paulo. Segundo dados apurados, pelo menos um terço dos fieis presentes àquele evento, o maior organizado por evangélicos em todo pais, certamente votariam no candidato indicado por seu pastor. Outros 34% disseram que talvez votassem e apenas 33% disseram que não votariam em candidatos apoiados pela igreja. Ou seja, no total, 65% dos que foram à Marcha Para Jesus são direta ou parcialmente influenciados pelos comandos das igrejas na eleição. 

Reconhecendo esta realidade e interessados em propor discussão e oferecer elementos que, de alguma maneira, sugiram caminhos para transforma-la, integrantes da Rede Fale no Estado do Rio de Janeiro promovem a Campanha Fale Contra o Voto de Cajado (em alusão ao voto de cabresto, sistema tradicional de poder, característico do coronelismo). A mobilização pretende ser uma voz ativa, durante o período eleitoral, contra a utilização dos espaços e posições eclesiásticas para a promoção inescrupulosa da política e manipulação dos rebanhos. As atividades se darão basicamente por meio de comunicação nas redes sociais com imagens, vídeos e textos provocativos e de reflexão, além da realização de fóruns e debates sobre a temática fé e política em datas e locais a serem divulgados.

O material da campanha já está disponível a partir de hoje, e será acrescido gradativamente durante a campanha nos canais da Rede na web (facebook, twitter, site e youtube). Como é característica do Fale, todos aqueles que se identificarem com a causa podem e devem participar, replicando o material para o maior número possível de pessoas, reunindo grupos em comunidades locais para orar, promover discussão e reflexão sobre os temas abordados na campanha e até mesmo sugerindo e promovendo outras formas de atuação. 

Ore:

– Pelos pastores e líderes, para que busquem uma vida de acordo com o que pregam sem o uso e abuso de sua função eclesiástica para manipular o rebanho em seus próprios interesses. 

– Pela formação política (conscientização) da sociedade brasileira como um todo, para que haja libertação das amarras ideológicas construídas ao longo da História, reproduzidas de diversas formas para que tudo permaneça como está.

-Para que os cristãos tenham voz profética para a transformação da realidade na qual estão inseridos, não suportando injustiças de todas as formas, corrupções e mentiras. 

Fale! Porque juntos podemos fazer um barulho construtivo.

http://redefale.blogspot.com.br/2012/08/fale-contra-o-voto-de-cajado.html?spref=fb

Que isso vida?

Esses dias estava pensando sobre a minha vida, como ela está bem diferente do que eu imaginava.

Ano passado em janeiro de 2011, eu estava estudando o 8o módulo de Radiologia, e podia jurar quem em Agosto desse ano estaria trabalhando em hospital público na área que escolhi, pensava que de algum modo poderia ajudar as pessoas, pq eu queria ajudar, mas não sabia como. Daí de repente  pensei “Vou fazer o meu melhor, sempre atenderei bem todo mundo”, na minha cabeça isso era o que eu podia oferecer, e que depois eu descobriria outra maneira.

O tempo passou, me envolvi mais na política, pq gosto de debater e pq está tudo errado. Gosto da Política pura.Me juntei a um grupo que pensa da mesma maneira o/.

Chegou o fim do ano e terminei finalmente radiologia, mas 2 meses antes fiquei desempregada, sabe como é, órgão públicos não gostam de pessoas politizadas, ainda mais quando participam de protestos contra o sistema.

Como disse antes, em Janeiro de 2011 estava fazendo radiologia. E na mesma época  voltei a conversar com o meu amigo Larry sobre a ONG que um dia comentamos.

Fui demitida, terminei radiologia… Até que o Larry me chamou pra conversar, só que dessa vez era uma conversa séria, e a partir daí, do dia 27/01/2012 tudo que eu havia planejado, mudou. E a minha vida finalmente passou a fazer sentido.

Nunca me senti fazendo algo tão certo como me sinto hoje, aconteceram e acontecem coisas na minha vida hoje, que eu nunca imaginei que aconteceriam, querem um exemplo? RIO+20. Nunca imaginei que estaria lá, lembro-me de em junho de 2011 sonhar em participar, mas nunca imaginei que em junho de 2012 estaria lá, nunca imaginei que estaria entre os lideres do mundo, no lugar mais importante do mundo naqueles dias. Isso é de mais pra cabeça de uma jovem de 21 anos.

Em julho fui participar de um dos melhores cursos de Desenvolvimento Comunitário do País, o SEDEC que o CADI – Centro de Assistência e Desenvolvimento Integral oferece. Antes de ir pra esse curso, o meu amigo Marcos Custódio me disse: “Camila, depois desse curso você nunca mais será a mesma, sempre existirá a Camila antes e a depois do SEDEC”. Fui pra lá sem muita expectativa, ando me controlando rs. E NÃO É QUE ELE ESTAVA CERTO? Lá ficou muito claro a missão de Deus pra minha vida, e o  quanto eu já estava fazendo pela missão sem saber. Foram dias maravilhosos, conheci pessoas do Brasil inteiro que fazem tantas coisas e que realmente saíram das suas zonas de conforto, pra lutar pela justiça social. Tem uma hora no curso que eles falam tantas verdades, mais tantas verdades que dá vontade de gritar e dizer: “PARA, NÃO AGUENTO MAIS ESSAS VERDADES Q ESTAVAM ESTAMPADAS NA MINHA CARA E EU NÃO VI” rs. Queria poder falar um pouco mais sobre o CADI, mas vou deixar para o próximo texto.

Esse é só pra dizer o quanto me encontrei na vida, que apesar dos pesares estou muito satisfeita com a missão que Deus me deu e com o meu trabalho , e que estou muito ansiosa pro ano que vem, ano em que muitos Projetos virão.

E quanto a Radiologia, um dia sei que vou precisar e vou usá-la nessa missão, afinal, nada que aprendemos é por acaso.

Ah, e vou fazer a faculdade dos meus sonhos: Relações Internacionais.

Os meus planos mudaram, para um melhor, mas que ainda não sei qual é, estou apenas sendo guiada.

O Jesus que eu sigo não é esse aí do dinheiro que muitas igrejas pregam, o Jesus que eu sigo se importa com o pobre e diz que nós temos que nos importar também, o Jesus que eu sigo, não quer sacrifício e sim Justiça, ele se importa com as pessoas e não com as coisas.

O Jesus que eu sigo me ensinou: O Amor ao próximo, a verdade, perdão, honestidade, e principalmente a promover a igualdade social, a justiça e a levar esperança para quem não tem.

Vamos ali trasformar o mundo? 😀

Passou

Essa noite é uma daquelas de cura, sabe?
Quando algo novo estar por vir, começamos a remexer o passado, as vezes parece que é só pra desistir, deixar de acreditar no “novo”.
Fiquei pensando em tudo que passou pela minha cabeça com a decepção passada, foi estranho, acho que pq foi algo rápido, mas que doeu como todas as outras decepções.
No fundo eu sabia que não daria certo, mas não quis acreditar, sabe como é, né? Quando estamos apaixonados fingimos não ver o que é nítido. Mas como explicar?
Tem uma música tosca que representa muito o que sentia “Mas é ao te ver pra enlouquecer, faço tudo que você quer, vou me arrepender depois, mas eu não resisto a nós dois” (tirando a parte do faço tudo que vc quer, pq aí já é estar fora do meu normal psicológico rs).
As vezes digo pra minha Mãe que meu maior defeito é ser muito romântica, ela diz que é uma das minhas qualidades, vai entender, né?
Eu sonho em casar, ter filhos e viver com base no amor, apesar de todas as dificuldades de um casamento, sonho com um que terá pelo menos um pouco de romantismo, como de alguns casais que conheço e vejo.
Sabe, pela 1o vez eu gostei de alguém muito de graça, pq nunca estive com alguém tão diferente de mim, em todos os aspectos. E quando quando estou pra valer com alguém o meu romantismo vem a tona e junto vem a insegurança e o medo.
Sou intensa nos meus sentimentos, e acredito nas pessoas, quando digo que gosto e a pessoa diz que gosta, acredito pra valer, e quando a decepção vem em seguida fico meio sem chão, sabe? Mas não desanimo, choro, fico triste, mas sempre tenho em mente o “vai passar, sempre passa” e acredito nisso, coisas da vida, né?
Mas dessa vez foi diferente, não sei se vocês sabem, mas tenho uma auto-estima muito boa, e olha pra atingi-la é difícil, mas dessa vez não foi.
Pensava “pq isso está acontecendo, o que eu fiz de errado?”
Olhava pra mim e não conseguia ver as minhas qualidades. Mas isso durou apenas uma noite hehehehe
Depois veio a pergunta “pq me apaixonei por ele, oq eu vi?” e a raiva não me deixava enxergar nada de bom, me fez ficar pior ainda.
Depois pensando e orando e muitas vezes chorando, comecei a ficar repetindo o quão boa eu era, não por mim, mas pelo simples fato de ter Deus ao meu lado, por um dia ele ter me escolhido pra caminhar com ele.
Aí veio aquele momento de consciência , ele não quis, então não sou eu que vou insistir, até pq nunca insisti em ninguém nesse aspecto, sou um pouco orgulhosa, se alguém me faz sofrer, logo só penso em esquecer e me livrar dá tal dor.
E passei um tempo me esquivando, era mais fácil, depois me arrependi. Apesar de tudo, não consigo ficar com raiva muito tempo, na verdade é muito de momento, fico triste e sinto vergonha, é difícil admitir e sempre acho que enquanto sofro a pessoa se diverte a minha custa. Se se diverte ou não eu não sei, mas acho que sim.
Machucava pensar que tudo que foi dito era mentira, e pior, não saber o pq vc foi escolhida pra essa brincadeira sentimental.
Hoje resolvi escrever isso não sei bem o pq, mas acho que era o que faltava pra por um ponto final, já que uma conversa pra por tudo em pratos limpos é quase impossível.
Minha vida está tomando o rumo que um dia achei que seria impossível, que um dia sonhei e que Deus sonhou pra mim, estou tão feliz, tudo está se encaixando e melhor estou vendo que estava certa quando pensava “Vai passar, sempre passa”.

“Que o Amor nos guie”.

oorganico

The Barbarian Way

As cruzadas serviram como uma trágica lição. Para os seguidores de Jesus Cristo, nós pertencemos ao coração de Deus. E o chamado de Jesus é algo que demanda ação.

O convite de Jesus foi esse: “Venha e me siga!” Em uma palavra: “Vá!”

A tribo de Jesus Cristo deveria carregar um banner escrito: “AVANTE!!”

O convite de Jesus é um chamado revolucionário para lutar pelo coração da humanidade. Nós fomos chamados para uma guerra não convencional usando apenas as armas da fé, esperança e do amor. O custo para participar na missão de Deus não é nada a menos que tudo o que nós somos e tudo o que nós temos. Pode parecer bastante estranho mas todo o cristão que vem para Jesus Cristo deveria estar totalmente envolvido e convicto com esse caminho bárbaro! Eles vivem suas vidas a cada passo movendo para frente lutando com todas…

Ver o post original 457 mais palavras